Dona Hélia

“Aí ela falou assim:
– “Ô Hélia, passa a mão na minha cabeça!
Eu me sinto tão emocionada quando ela falou isso.
– Dona Hélia, agora que meu cabelo tá saindo.
Tomou diariamente. E tudo que ela fazia na comida, ora pro nobis, ora pro nobis. Combateu o câncer. Graças a Deus, e agradeço em nome de Jesus. Porque tudo é o senhor que dá. Ele dá inteligência ao homem pra sobreviver, porque ele deixou planta, pé de cada pé, e tudo é remédio. Mas um é pra uma coisa e outro é pra outra. Então nós temos que saber.”

Dona Hélia nasceu em Benfica, região próxima da sede do distrito de Lumiar, sentido São Pedro da Serra. Hoje vive em Lumiar, onde cria seus netos e bisnetos e criou os filhos. Através de uma atitude proativa na sua trajetória no mundo e na força da relação de saber com as plantas que curam, ela mantém sua medicina natural, artesanal e ancestral.

Coentro, ora pro nobis, açafrão, alho, guaco, camomila, doril, mil folhas, arruda, chuchu, pacová, açucena, língua de vaca, peixinho da horta, cordão de frade, sete-sangria, erva Macaé, saião, alfavaca anis, babosa, fumo, erva Moura, avenca, cidreira, marmelim, cangotá, sabugueiro, araruta, pita. Do chá à alimentação cotidiana, das plantas que se maceram às que se tomam, elas se misturam e convivem na paz da aparente desordem de seu quintal.

Sua atuação perante ao mundo é como um resumo sobre a vida nos trópicos tupy: o que há de mais moderno no conceito de tradição – se você não sabe a receita, pesquisa na internet – diz ela.

Download Nulled WordPress Themes
Download Nulled WordPress Themes
Free Download WordPress Themes
Premium WordPress Themes Download
free download udemy course
download coolpad firmware
Premium WordPress Themes Download
online free course